Blogger Template by Blogcrowds

.


“Ao amanhecer do último século, um grupo de exploradores procuram um mundo pré-histórico, dirigido por ambição, desejos secretos, uma sede de aventura e buscando a última das histórias, eles são ajudados por uma beleza indomada. Encalhados num terra estranha, cada dia se torna uma procura desesperada, para sair deste Mundo Perdido.”



Quem aqui se lembra desta abertura tão tosca e hipnotizante? Pelo menos eu, um reles garoto na época (e que não mudou muito), amava as noites (e tardes) que passavam algum episódio deste seriado tão peculiar.
A série O Mundo Perdido foi com certeza uma de minhas mais loucas e fortes inspirações para ser fantasista, pois era uma grande salada de frutas, tendo dinossauros (falei que amo dinossauros e animais pré-históricos no geral?), magia, criaturas muito exóticas, viagens temporais, mistérios, etc.
Quem se preocupava com os efeitos especiais quando a bela Jennifer O'Dell aparecia? Quem, pelo amor de Zeus, ligava para algo ali ter algum sentido lógico, se a graça era a mistureba de coisas?
Eu nunca me importei.
 
Os personagens principais eram interessantes, sobretudo o Challenger, Roxton, Malone e, claro, a beleza selvagem e loira Veronica. O restante, para mim, era apenas figurante. Ah! O homem-lagarto era muito foda!
O mais legal: a trama era vagamente baseada num livro do grande Sir Arthur Conan Doyle, o criador de Sherlock Holmes!
Agora, após ver boa parte da série (incluindo o episódio surreal de tudo sendo tragado pelo tempo) e vi o filme (que achei até interessante, mas nada tão grandioso), quero ler o livro (pleonasmo?!).
Bem, um pequeno spoiler: na Saga Fábula, vai ter uma singela homenagem a este seriado e ao livro maravilhoso de um escritor francês que muito me influenciou.
Personagens marcantes, trama mirabolante, enredos nunca lineares, aventura, magia, história alternativa, tudo isso fez desta série uma maravilha televisiva para este que aqui escreve.
E para os manolos de plantão, uma imagem bem legal da musa selvagem.


Regulamento Pulp Brazil

Antologia de Literatura Fantástica, Aventura e Pulp
Organização: Alec Silva
Prefaciadora: Amanda Reznor
Autor Convidado: Rochett Tavares
 1) DA PARTICIPAÇÃO
1.1. A antologia “Pulp Brazil” é promovida pela RHS EDITORA E PRODUÇÕES, pessoa jurídica com registro de CNPJ: 13.022.386/0001-84 com sede na Avenida São Paulo, Quadra 84 LOTE 13, N°1048 - CENTRO - GURUPI – TO, doravante denominada EDITORA.
1.2. Poderão participar da antologia todas as pessoas físicas residentes legais em qualquer país.
1.3. Das características da antologia: A RHS EDITORA receberá única e exclusivamente contos com a temática pedida para a Antologia PULP BRAZIL, sendo que a criatividade e imaginação do escritor darão o toque e estilo ao trabalho.
1.4. Poderão participar da antologia autores com mais de dezoito anos. Aqueles que forem menores de idade poderão se inscrever mediante autorização por escrito de um responsável legal, acompanhada de fotocópia do original de documento de identidade do mesmo para conferência e registro de inscrição.
1.5. A participação se dará por meio de um concurso, onde o autor não precisará arcar com nenhum valor para a publicação de seu conto.
1.6. Serão selecionados, ao todo, de 15 (quinze) a 20 (vinte) participantes, sendo 1 participante convidado, e estes cederão seus direitos autorais para a editora referente a publicação na antologia PULP BRAZIL.
Especificação do Produto:
Título: LIVRO
Papel: Miolo Papel Polén Bold/ Capa com Orelhas de 8 cm
Formato: 16,0 x 23,0mm (fechado)
1.7. A presente antologia PULP BRAZIL é uma promoção da RHS EDITORA e tem como finalidade estimular a produção de textos, formação e divulgação de novos autores.
 2)DA ACEITAÇÃO DOS CONTOS
2.1. Serão aceitos apenas contos em língua portuguesa, de temática ao universo fantástico e todos os seus subgêneros (policial, suspense, terror, ficção, steampunk, gore, aventura, horror, etc.) e com o tema proposto para a antologia PULPBRAZIL. Limite de tamanho: no mínimo 25.000 e, no máximo, 38.000 caracteres, contando os espaços. Formatação: página A4, espaços de 1,5 entre linhas, fontes Times ou Arial tamanho 12, acompanhados dos dados de inscrição que constam no parágrafo 5.5 desse regulamento.

2.2. Os contos devidamente formatados deverão ser enviados a/c de Alec Silva para o e-mail pulp@rhseditora.com, com cópia de segurança para antologias@rhseditora.com junto com os dados de inscrição e demais documentos de autorização (no caso de menores de idade).
2.3. Os contos inscritos deverão contemplar, obrigatoriamente, os seguintes elementos:
(a) não ultrapassar o limite de 38.000 caracteres;
(b) corresponder ao tema proposto para a antologia PULP BRAZIL:
“O Fantástico é um Universo infinito de coisas e segredos, onde o limite entre o real e o imaginário é uma tênue linha que pode ser facilmente superada. Mundos paralelos, futuros alternativos, aventura, romance, o horror em sua face mais obscura, a humanidade obrigada a vencer seus limites e confrontar o sobrenatural.
Através de textos, como contos, crônicas e poesias, tudo é possível desde que a imaginação queira. Solte sua imaginação e conte sua versão do Fantástico, sem medo, sem preocupação. É hora de escrever, é hora de ser Pulp!”
 3) NÃO SERÃO ACEITOS OS CONTOS QUE:
(a) possam causar danos a terceiros, seja através de difamação, injúria ou calúnia, danos materiais e/ou danos
morais;
(b) ofendam a liberdade de crença e as religiões;
(c) contenham dados ou informações racistas ou discriminatórias;
(d) tenham a intenção de divulgar produtos ou serviços alheios aos objetivos da antologia ou que tenham
qualquer finalidade comercial;
(e) façam propaganda eleitoral ou divulguem opinião favorável ou contrária a partidos ou candidatos;
(f) tenham sido produzidos por terceiros;
(g) que não venham formatados nas normas estabelecidas por esse regulamento e descritas no item 2.1.
 4) DOS CONTOS INSCRITOS
4.1. Os contos inscritos serão analisados, selecionados e organizados mediante avaliação do profissional nomeado pela organização da Antologia, cujas decisões serão soberanas e irrecorríveis. A avaliação se dará com base nos seguintes critérios:
(a) criatividade e originalidade do enredo;
(b) adequação à classe literária de conto;
(c) impacto do conto e qualidade dos recursos utilizados.
4.2. Ao se inscrever na Antologia PULP BRAZIL o autor autoriza automaticamente a veiculação de seu conto, sem ônus para a RHS EDITORA nos meios de comunicação existente ou que possam existir com a intenção de divulgar a antologia.
 5) SOBRE AS INSCRIÇÕES:
5.1. As inscrições para a Antologia PULP BRAZIL serão abertas às 24h00min do dia 03 de novembro de 2011 e encerradas no dia 03 de janeiro de 2012, no formato e padrão já descritos, sendo que a partir desse momento o prazo para publicação é de 60 dias. As inscrições só poderão ser feitas pelo e-mail pulp@rhseditora.com        
5.2. Inscrições por e-mail: o candidato deve enviar, anexado a uma mensagem eletrônica, o arquivo (doc) contendo seu texto para o endereço pulp@rhseditora.com . No corpo da mensagem, o autor deverá fornecer as outras informações exigidas por este regulamento para que se efetue a inscrição. O assunto da mensagem deverá ser INSCRIÇÃO PARA A ANTOLOGIA PULP BRAZIL.
5.3. Cada autor poderá enviar até dois contos, havendo a possibilidade de um segundo volume meses após o lançamento do primeiro.
5.4. As inscrições e publicação do livro são gratuitas.
5.5. Para participar os candidatos deverão, além de enviar um ou mais contos de acordo com as regras estabelecidas neste regulamento, fornecer as informações a seguir:
(a) nome completo do autor do conto e de seu responsável legal (se for menor de idade);
(b) data de nascimento;
(c) número do documento de identidade pessoal e do responsável legal (se for menor de idade);
(d) endereço físico e eletrônico, completo e legível;
(e) telefone fixo e celular;
(f) informação de onde e como ficou sabendo da antologia;
(g) autorização por escrito assinada pelo responsável (se for menor de idade) e fotocópia legível do documento
de identidade do mesmo (cópia escaneada e enviada junto com o e-mail);
(h) minibiografia de no máximo três linhas para cada autor.
5.6. Só serão aceitas inscrições através dos procedimentos previstos neste regulamento. Os dados fornecidos pelos participantes, no momento das inscrições, deverão estar corretos, claros e precisos. É de total responsabilidade dos participantes a veracidade dos dados fornecidos à organização da Antologia PULP BRAZIL
5.7. Em caso de fraude comprovada, o conto será excluído automaticamente da antologia.
5.8. Os participantes concordam em autorizar, pelo tempo que durar a antologia com a editora, que a RHS EDITORA faça uso de seu conto, suas imagens, som da voz e nomes em mídias impressas ou eletrônicas para divulgação da Antologia PULP BRAZIL, sem nenhum ônus para os organizadores, e para benefício da maior visibilidade da obra e seu alcance junto ao leitor.
 6) DA VENDA DO LIVRO
6.1. A antologia será vendido na loja virtual da RHS editora e nas demais livrarias conveniadas no valor de R$ 30,00.
6.2. Os autores participantes da antologia poderão comprar a antologia com desconto a partir de 5 exemplares, a um valor de R$ 15,00. Sendo a quantia de livros desejada a valor promocional comunicada antes da finalização do processo gráfico, onde a Editora entrará em contato com todos autores para saber se desejarão adquirir a valor promocional de Autor.
A EDITORA RHS NÃO OBRIGARÁ OS SELECIONADOS A ARCAR COM QUALQUER CUSTO OU A ADQUIRIR EXEMPLARES, sendo que o autor que quiser adquirir exemplar o fará por sua livre e espontânea vontade.
6.3. Para o envio dos livros será cobrado o frete para a entrega. O autor que desejar comprá-los deverá enviar um e-mail para antologias@rhseditora.com com o assunto COMPRA DA ANTOLOGIA PULP BRAZIL e no corpo do e-mail colocar a quantidade de livros desejados, o endereço completo para envio e nome completo.
6.4) Cada autor selecionado receberá um exemplar da OBRA a titulo de DIREITOS AUTORAIS, gratuitamente, sendo cobrado apenas o frete.
 7) OUTRAS INFORMAÇÕES
7.1. Dúvidas relacionadas a esta antologia e seu regulamento poderão ser enviados para o e-mail pulp@rhseditora.com, com o assunto DÚVIDA ANTOLOGIA PULP BRAZIL.
7.2. Todas as dúvidas e casos omissos neste regulamento serão analisados por uma comissão composta pela equipe organizadora e sua decisão será irrecorrível.
7.3. Para todos os efeitos legais, os participantes do presente Antologia PULP BRAZIL declaram ser os legítimos autores os contos inscritos, isentando a RHS EDITORA de qualquer reclamação ou demanda que porventura venha a ser apresentada em juízo ou fora dele.
7.4. A RHS EDITORA reserva-se o direito de alterar qualquer item desta Antologia, bem como interrompê-la, se necessário for, fazendo a comunicação expressa para os participantes.
7.5. A participação nesta Antologia implica na aceitação total e irrestrita de todos os itens deste regulamento.










Bom dia!



Hoje é 1º de novembro e o que isso significa para este blog?
Sim! Como prometido numa postagem anterior, publico por um mês o primeiro livro da saga, Pedras Elfo-Fádicas!



Bem... Boa leitura!

Postagens mais recentes Postagens mais antigas Página inicial

Licença Creative Commons
A obra "A Fábula Inacabada" de Alec Silva foi licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição - Partilha nos Mesmos Termos 3.0 Não Adaptada.
Com base na obra disponível em afabulaoficial.blogspot.com.
Permissões adicionais ao âmbito desta licença podem estar disponíveis em http://afabulaoficial.blogspot.com/.

Outros Textos Meus

divulgar textos | publicar artigo